Como as novas tecnologias podem ser usadas na publicidade digital?

Otimizar os pontos de contatos com os clientes, e também testar e implementar novas tecnologias

Nesses últimos anos, já ouvimos falar de Machine Learning, Nuvem, Inteligência Artificial e Big Data e sobre seus benefícios para o mercado. Independentemente da atuação da sua empresa, ela foi, é ou será impactada por esses termos. Mas você já parou para pensar como essas novas tecnologias podem ser usadas na publicidade digital?

Vamos começar falando sobre como a Inteligência Artificial pode colaborar para um trabalho cada vez mais assertivo. Como já mencionamos em outro artigo, o uso da IA se tornou um chamariz para captar todas as informações e dados necessários para a criação de uma peça publicitária. Seus algoritmos são capazes de analisar, construir, apontar erros e até mesmo refazer algumas campanhas de clientes, se houver necessidade.

Por outro lado, o uso do Machine Learning consegue extrair, por meio da rotina dos usuários da marca, as informações que são relevantes para criar uma campanha publicitária mais assertiva. Por exemplo, quando vamos nas grandes redes de farmácias e recebemos um cupom com alguns descontos, essas promoções são baseadas nas nossas últimas compras dentro do estabelecimento. O uso dos algoritmos de Machine Learning é tão eficaz que consegue mapear todo o comportamento de compra do consumidor, o que ajuda na hora da marca atingir seu público-alvo e desenvolver campanhas que impactam diretamente seu target.

Com a capacidade de inovação que permite que os computadores aprendam a reconhecer e desenvolver padrões, a tendência é que as máquinas sejam capazes de potencializar as ações publicitárias por conta própria. Isso começou a causar uma revolução tecnológica benéfica para o segmento.

Há também no setor, algumas plataformas em nuvem capazes de ajudar no gerenciamento de campanhas e até mesmo na segurança de dados. Como isso funciona? O que antes era feito manualmente e por meio de muitos papéis, hoje é feito por meio de plataformas alocadas na nuvem, onde o usuário consegue fazer todas as alterações necessárias na peça publicitária, aprovar ou recusar documentos. Sem contar que a criptografia desse sistema é tão eficaz que protege todos as informações que ali são trocadas.

Outro ponto que não podemos deixar de mencionar é o uso do Big Data Analytics, que permite entender rapidamente quais etapas mais chamam a atenção do usuário. Uma vez que esse processo é implementado dentro das agências e alimentado com dados em tempo real, permite realizar análises mais completas, filtrar melhor as informações e abstrair aquelas são irrelevantes.

Por fim, acredito que não é necessário implementar todas essas ferramentas de uma vez nas suas demandas, e sim usufruir daquela que te dará um retorno mais efetivo e em menos tempo. Otimizar os pontos de contatos com os clientes, e também testar e implementar novas tecnologias, faz parte de todo negócio. Cabe ao empreendedor entender esse ciclo, criar algo novo, de alto impacto e que corrobora para grandes tomadas de decisões.

Por Celso Vergeiro, CEO da AdStream,  plataforma de armazenamento e distribuição de conteúdo publicitário