Startup e a estratégia para atrair e reter jovens talentos

Clima organizacional favorável e conceito inovador, com flexibilidade e plano de carreira estruturado

 Concluir a faculdade, se especializar e ser contratado por uma multinacional foi o sonho de muitos jovens na última década. Porém, a geração atual tem valores diferentes e leva em consideração outros fatores, além de cargo e salário, ao analisar uma proposta de trabalho. Com isso, saem na frente empresas atentas ao ambiente organizacional, flexíveis, com um plano de carreira estruturado e que tenham boa reputação.

Em busca desse clima favorável, de autonomia para trabalhar e de possibilidades de crescimento profissional, jovens talentos têm buscado cada vez mais oportunidades de emprego em startups. De acordo com Vinícius Digênova, gerente geral da Lockey – plataforma para locação imobiliária com processo 100% digital – essa geração é atraída pela possibilidade de aprender, experimentar e crescer junto com a startup. “Eles se identificam com o conceito inovador e se sentem motivados em fazer parte da equipe”, ressalta.

Há três meses contratada pela Lockey, Mayara Castro é analista de negócios e destaca o modelo inovador de negócio da empresa. “Fui atraída pela startup tanto por acreditar no negócio como pela possibilidade de expansão, de oportunidades e de crescimento profissional”, avalia. Para ela, o ambiente e a gestão, que não é engessada e possibilita a participação dos colaboradores, faz toda a diferença. “Mas nada disso seria suficiente se o negócio não tivesse uma proposta de solucionar antigos problemas do mercado imobiliário.”

Formada por profissionais nascidos entre 1980 e 1995, a geração Y ou geração do milênio, reúne jovens com alto nível de ansiedade e, segundo Vinícius, que não medem esforços para trocar de emprego se não se sentirem satisfeitos. Para atrair e reter os talentos, o gerente da Lockey ressalta que é preciso ter uma boa estratégia. “Trabalhamos com definição de metas, uma vez que esses jovens gostam de desafios, bonificação, como forma de estímulo, e reconhecimento pelos resultados, além de oferecer treinamentos para capacitá-los constantemente”, conclui.