Tecnologia

7 dos 10 empregos mais difíceis de preencher estão no setor de tecnologia

Novos dados revelam que "Analista de Segurança da Informação" é o cargo mais difícil de preencher no Brasil

A economia brasileira começou a gerar mais empregos formais após três anos consecutivos de demissões. Os números oficiais mais recentes do governo mostram que, nos primeiros nove meses deste ano, houve um aumento de 5,93% de empregos formais criados no mesmo período do ano passado – 761.776 mais empregos.

Embora as áreas de recrutamento nas empresas estejam crescendo devido a esse cenário positivo do mercado de trabalho, os empregadores enfrentam dificuldades em encontrar as pessoas certas para preencher algumas vagas disponíveis. Indeed, o site de empregos número 1 do mundo, compilou uma lista das 10 posições mais difíceis de preencher* no Brasil, considerando o percentual de oportunidades de emprego abertas por mais de 60 dias.

  1. Analista de Segurança da Informação
  2. Arquiteto
  3. Webmaster
  4. Analista de Desenvolvimento
  5. Programador/Desenvolvedor Web
  6. Analista de Banco de Dados
  7. Analista de BI
  8. Analista de Desenvolvimento de Sistemas
  9. Assistente de Recursos Humanos
  10. Engenheiro

Tecnologia, um mercado desafiador para recrutadores

Os dados do Indeed mostram que 7 das 10 posições mais difíceis de preencher estão no setor de tecnologia. Encontrar o talento certo para ocupar cargos importantes não é fácil já que este é um dos mercados de trabalho mais competitivos atualmente.

“O mercado de trabalho em tecnologia tem cada vez mais oportunidades, mas ainda tem os cargos mais difícil de preencher. Pode ser porque esse tipo de trabalho exige uma rara combinação de qualidades: habilidades técnicas avançadas, educação especializada e um alto nível de conhecimento e visão. A maioria dos candidatos com essas qualificações acaba indo ao exterior em busca de carreiras internacionais”, disse Felipe Calbucci, Country Manager do Indeed no Brasil.

De acordo com uma pesquisa da TolunaInsights**, encomendada pelo Indeed este ano, 47% dos brasileiros acham que deixar o Brasil é essencial se eles querem ter uma carreira de sucesso em tecnologia. Para Calbucci, isso pode ser o resultado de uma forte marca empregadora de empresas internacionais. “É importante que as empresas percebam o valor agregado de serem capazes de desenvolver e exibir sua marca empregadora, a fim de aumentar a atração e a retenção dos melhores talentos”, destacou.

Por que segurança cibernética?

A LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) está cada vez mais próxima de entrar em vigor e as empresas de todo o país já estão se preparando para esse momento quando chegar. A segurança de dados é um dos maiores desafios para as empresas e, até 2023, haverá mais de US$ 151 bilhões investidos nesse mercado.

Em 2018, as empresas perderam cerca de US$ 45 bilhões devido a ataques de hackers, causando um crescimento no número de oportunidades de emprego na área. De acordo com um estudo da Deloitte, o mercado global terá mais de 1,5 milhão de vagas em segurança cibernética este ano, mas ainda há uma falta de profissionais qualificados. Isso também reflete nos dados do Indeed, pois “Analista de Segurança da Informação” está no topo da lista dos cargos mais difíceis de preencher.

Crescimento no mercado imobiliário

O setor imobiliário também está registrando números favoráveis no Brasil, o que confere maior segurança a quem deseja investir em imóveis. De acordo com a Câmara Brasileira da Indústria da Construção Civil (CBIC), os lançamentos e vendas de imóveis residenciais deverão crescer de 10% a 15% em 2019, com residências de médio e alto padrão sendo o principal contribuinte para esse aumento. Os números positivos refletem nas oportunidades de trabalho para arquitetos e engenheiros, pois a contratação de um profissional para alterar ou construir a estrutura das propriedades é obrigatória. Ambos os profissionais estão na lista do Indeed, sendo “Arquiteto” a segunda vaga mais difícil de preencher no Brasil.

Embora os trabalhos que compilamos sejam alguns dos mais difíceis de preencher no momento, a contratação é um desafio para muitas posições e empresas. Ser estratégico quanto à atração de candidatos a emprego por meio de boas descrições de cargos, construção da marca do empregador e oferta de benefícios, fará sua empresa se destacar em um ambiente competitivo e ajudará a preencher as posições que estão abertas há mais tempo.

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar