Dança das cadeiras

Andrea Crisanaz é o novo CEO da Generali Brasil

 O executivo é o responsável pelo segmento de mercados individuais nas Américas

A Generali anuncia Andrea Crisanaz como seu novo CEO no Brasil. O executivo é o responsável pelo segmento de mercados individuais nas Américas. Atuário e italiano de Trieste, o executivo está no Grupo Generali desde 1990 e iniciou a sua carreira na Área de Vida no Head Office (Matriz Trieste).

Depois de ocupar várias posições de comando no Grupo, assume em 2008 o cargo de CEO da Companhia Seguros Banorte-Generali no México. No ano de 2014, foi convidado a exercer a posição de Regional Chief Insurance Officer (CInsO) Américas. E, desde 2015, agregou a responsabilidade pelos Segmentos Individuais na Região.

Crisanaz terá papel preponderante na expansão dos negócios da empresa, que acaba de fechar um contrato de 20 anos com o Banco BMG para vender seguros massificados numa rede que compreende 17 agências, cerca de 3.000 correspondentes e mais de 400 lojas de crédito da rede Help!. A parceria prevê trabalhar o mercado de servidores públicos, aposentados e pensionistas, que tem grande potencial. Hoje, este grupo representa cerca de 33 milhões de pessoas. Em 2030, deve chegar à marca de 61 milhões.

“Este é um momento em que a Generali inicia um forte processo de posicionamento no país. É um grande desafio e vamos tornar a empresa relevante dentro de poucos anos”, afirma Antônio Cássio dos Santos, CEO da Generali nas Américas e presidente do Conselho da empresa no Brasil.

“A Generali é a quarta maior seguradora do mundo e foi a primeira empresa estrangeira do setor a chegar ao Brasil, em 1925. Tenho a missão de reforçar nossa estratégia no país e buscar novas rotas de crescimento no mercado nacional”, declara Crisanaz.

 

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo