Startup

As quatro startups selecionadas no programa de aceleração de 2018

As startups BirminD, Data Policy, Dattos e LogComex serão aceleradas por três meses

Nesta última quarta-feira (31/10), a multinacional de tecnologia Thomson Reuters realizou, em São Paulo, a segunda edição de seu programa de aceleração, o Accelerator Day for Taxtech & Comextech. Quatro empresas startups foram selecionadas após apresentarem suas inovações para aprimorar a rotina dos profissionais dos segmentos Tributário, Fiscal e de Comércio Exterior. BirminD, de Sorocaba; Data Policy, de Brasília; Dattos, de São Paulo e LogComex, de Curitiba. O programa é realizado com o apoio da AB2L (Associação Brasileira de Lawtechs & Legaltechs) e da Campinas Tech (comunidade dedicada ao desenvolvimento do ecossistema de startups da região de Campinas). O evento foi realizado no FLIC – Future Law Innovation Center, centro de inovação mantido pela empresa recém-inaugurado na região sul da capital paulista.

“A segunda edição do Accelerator Day foi um sucesso. Tivemos a oportunidade de conhecer mais detalhadamente os projetos das finalistas e entender de que maneira cada solução vai ao encontro das necessidades do mercado e como elas podem aprimorar os produtos e serviços que a Thomson Reuters oferece. São quatro projetos realmente inovadores que serão muito bem recebidos pelo ecossistema Fiscal, Tributário e de Comércio Exterior”, explica Menotti Franceschini, Head de Corporate Value Proposition da Thomson Reuters Brasil.

De dezenas de inscritas, oito startups participaram do evento e as quatro que mais se destacaram foram selecionadas por uma comissão julgadora formada por executivos da Thomson Reuters e especialistas dos segmentos de Inovação, Tributário, Fiscal e Comércio Exterior. Nos próximos três meses, todas elas vão trabalhar em conjunto com a Thomson Reuters para aprimorar as inovações apresentadas e buscar modelos de incluí-las nas suítes de soluções ONESOURCE TaxOne e ONESOURCE Global Trade, que proporcionam o cumprimento das obrigações fiscais, compliance, automatização de tarefas e gerenciamento dos processos de importação e exportação das empresas.

“O Accelerator Day é um processo extremamente enriquecedor para a Thomson Reuters, pois conseguimos aliar o que está sendo feito por estas startups que se utilizam de tecnologias emergentes com a capilaridade e potencial que temos em nosso portfólio. Dessa forma, podemos gerar novas oportunidades para o mercado e gerar mais valor agregado para nossos clientes”, afirma Marcos Bregantim, diretor de produtos corporativos da Thomson Reuters Brasil.

Selecionada na categoria Fiscal, a Data Policy desenvolveu uma solução que traz análises e previsibilidade no segmento Regulatório. Por meio de Automação, Big Data e Inteligência Artificial, a plataforma organiza tudo relacionada às regulações relevantes para cada negócio para analisar o impacto presente e futuro que podem ter sobre o negócio, assim como apresentar riscos e oportunidades para a tomada de decisão. A curitibana LogComex, selecionada em Comércio Exterior, propõe a automação e unificação de dados referentes a importações e exportações para garantir acesso a informações sobre a operação e monitoramento das mercadorias em tempo real, centralizada, de forma transparente, com automatização dos processos e integração com todos os sistemas de gestão das companhias.

A paulistana Dattos uma das escolhidas na categoria Fiscal/Comércio Exterior, tem uma ferramenta que faz a coleta e padronização customizada de qualquer dado da empresa, de forma que possa aprimorar as rotinas e garantir produtividade, minimização de erros e transparência da gestão. Por fim, a BirminD, de Sorocaba, utiliza Inteligência Artificial para identificar todas as variáveis que causam perde de eficiência dentro das empresas e calcular o que precisa ser feito para aprimorar a operação.

O processo de aceleração das quatro selecionadas se inicia no dia 1º de novembro e se estende até o dia 29 de janeiro.

 

 

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios