Marketing

Black Friday: Não deixe o impulso falar mais alto

O segredo da Black Friday é que as ofertas não são reveladas com muita antecedência

A Black Friday está chegando, mais uma vez. Mais conhecida por longas filas frustrantes, grandes multidões e quantidades limitadas de mercadorias com desconto. Você pode ter passado meses se preparando e economizando para esse dia. Porém, é importante estar ciente das táticas usadas pelos varejistas para evitar gastos excessivos ou comprar algo do qual se arrependerá mais tarde.

Os preços e prazos são manipulados para maximizar as compras que fazemos, portanto, tenha em mente o que você realmente precisa ou deseja, bem como seu orçamento. Isso é essencial para sobreviver à temporada de compras sem gastar demais. Lembre-se, o Natal está chegando!

O segredo da Black Friday é que as ofertas não são reveladas com muita antecedência. Dessa forma, as pessoas são obrigadas a tomar decisões de compra mais rapidamente do que o normal. A pressão de uma venda com tempo limitado significa que geralmente não temos tempo suficiente para refletir e decidir se devemos ou não comprar algo, e a luta interna para evitar o remorso é acelerada. Essa é uma das razões pelas quais fazemos compras por impulso – porque os varejistas nos forçam a tomar uma decisão rápida e, quando isso acontece, há grande chance de fazermos escolhas e tomarmos decisões equivocadas.

Sendo assim, saiba como não agir por impulso e sobreviver a Black Friday:

  • Faça uma lista: Saiba o que você quer. Sem um plano, será tentador gastar dinheiro que você não tem em itens que você não precisa. A experiência será repleta de exaustão, compra por impulso e possivelmente até culpa. Faça uma lista e atenha-se a ela.
  • Tenha um orçamento: Limite-se rigidamente ao que você pode e não pode pagar. Se precisar pedir dinheiro emprestado, procure as melhores taxas de juros e tenha um plano claro de como você pode pagar sua dívida. Mas, de preferência, tente ao máximo não se endividar e, muito menos, além de suas possibilidades.
  • Não procure sempre o menor preço: Encontrar um produto por uma pechincha pode parecer vantajoso, mas nem sempre é o caso. Muitos varejistas aproveitam a Black Friday para girar o estoque mais antigo antes do final do ano. Portanto, antes de gastar, verifique o ciclo de vida do produto que você está comprando. Atente-se principalmente com smartphones e tablets.
  • Se antecipe nas pesquisas: Use sites de comparação de preços e faça pesquisas sobre produtos e compras antes da Black Friday. Isso elimina as possibilidades de cair em furadas e oferece tempo para considerar suas opções (e se você realmente deseja comprar algo em primeiro lugar). Muitas pessoas dizem serem capazes de encontrar melhores ofertas fora do prazo da Black Friday, – isso é verdade, basta pesquisar!

Se você está esperando ansiosamente por esse dia, prepare-se! Não deixe o desejo falar mais alto que as necessidades e faça boas escolhas!

Por Uranio Bonoldi – professor em cursos de MBA na Fundação Dom Cabral

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar