ArtigoGestãoQualidade de vidaSaúdeSoluções para RH
Tendência

Cinco diferenciais que uma empresa deve oferecer ao RH na gestão da saúde dos seus funcionários

Além de reduzir custos, um bom plano de saúde é um diferencial capaz de reter talentos no quadro de colaboradores

Certamente, você já ouviu falar de como reduzir os custos com a saúde de seus colaboradores por meio da gestão de saúde. Nesse sentido, este artigo tem o objetivo de auxiliá-lo na escolha da melhor e mais adequada consultoria para o perfil de sua empresa e de seus funcionários. Por isso, selecionamos cinco características essenciais que o RH pode exigir das organizações.

 

Confira:

 

  1. Integração dos tipos de saúde assistencial e ocupacional

O primeiro diferencial que uma consultoria precisa oferecer é um serviço integrado de análise de dados de saúde ocupacional (atestados, exames e questionário de saúde) com o uso dos planos médicos pelos funcionários. Por meio da avaliação do perfil dos colaboradores, é possível identificar a possibilidade de doenças crônicas, quais são as funções que demandam mais esforço físico, os riscos embutidos no dia a dia de trabalho para o bem-estar dessas pessoas, bem como os aspectos que precisam ser modificados e oportunidades que possam ser aproveitadas. Tudo isso ajuda a reduzir a sinistralidade do serviço privado de saúde.

  1. Tecnologia com foco em dados

Outro ponto fundamental é que a consultoria disponibilize plataformas tecnológicas que gerem indicadores para desenvolver projetos de qualidade de vida personalizados ao perfil dos colaboradores da sua empresa, com o objetivo de que possam reduzir a procura pelos serviços de convênio médico, através de ações preventivas de saúde e gerenciamento de casos (ou prováveis) crônicos. Já que o avanço da tecnologia permite o uso de softwares especializados em saúde e bem-estar, que transmitem conteúdos informativos de maneira interativa para todos os segmentos e profissionais da área de saúde.

 

  1. Equipe de profissionais especializados

Também é importante que a consultoria tenha um time multifuncional, com larga experiência no mercado brasileiro de assistência médica, seguros e saúde, dedicado a atender às necessidades das empresas na gestão da saúde e de benefícios. Que estejam em contato com o cliente, realizando projetos in loco, planejando ações em conjunto com o RH. Vale ressaltar que apenas ter a tecnologia, porém, sem profissionais especializados que consigam analisar os indicadores gerados, não trará resultados efetivos.

  1. Solidez de mercado

A consultoria de gestão da saúde de colaboradores também precisa ter um histórico de ações, vivência no mercado, bem como cases de sucesso que comprovem os benefícios que ela trará para a empresa contratante, em busca de conquistar sua confiança e demonstrar sua real eficiência na gestão de saúde.

 

  1. Boas práticas de gestão

Para finalizar, conheça a empresa que você vai contratar. Agende uma visita para conhecer sua estrutura e ambiente de trabalho, pois, dessa forma, você poderá comprovar se ela possui os requisitos citados, que podem ser externalizados em uma boa estrutura de trabalho, receptividade e compromisso.

Com estas dicas, será mais fácil para o profissional de RH identificar uma consultoria parceria, que se pareça com a sua empresa em quesitos como: gestão, estrutura, capacidade tecnológica e pessoas, com o objetivo de ajudar a encontrar as melhores alternativas em benefícios corporativos com os menores preços, por meio de uma avaliação assertiva em todos os processos. Além de reduzir custos, um bom plano de saúde é um diferencial capaz de reter talentos no quadro de colaboradores.

 Por Luís Alexandre Chicani – Chief Entrepeneur BenBoard BenCorp e CEO ClubSaude.

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar