Educação Corporativa

Cinco qualidades que as universidades estrangeiras procuram nos estudantes brasileiros

Preparação focada no ensino superior deve começar pelo High School

Preparação focada no ensino superior deve começar pelo High School

Ter no currículo a passagem por uma instituição de ensino renomada no mundo inteiro abre muitas portas para quem está no mercado de trabalho. E para conquistar uma vaga nas mais conceituadas universidades estrangeiras é fundamental ter habilidades consideradas primordiais na atualidade. Inglês fluente, comprometimento e liderança estão entre elas. Uma maneira de iniciar a jornada rumo a Yale, Columbia, Berkeley, Oxford e London School of Economics, entre outras, é cursar o ensino médio fora do Brasil. O High School, garante Cláudia Leite, Chefe de Admissões da EF Academy Brazil, é perfeito para desenvolver e potencializar os requisitos que destacam os estudantes na hora da seleção. Confira na lista abaixo:

 

  • Proficiência em inglês

Ainda que outras línguas tenham adquirido importância nos últimos anos, o inglês segue como a principal delas. É fundamental que o estudante seja capaz de comunicar bem suas ideias e opiniões, além de estar apto a escrever de ensaios a pesquisas, tendo ainda a capacidade de fazer apresentações orais;

 

  • Liderança

Estar à frente de um grupo de trabalho ou de uma equipe demostra a capacidade de motivar, coordenar e direcionar as pessoas, todas características muito valorizadas pelas universidades;

 

  • Amor pelo curso escolhido

Mostrar-se verdadeiramente apaixonado por aquilo que se estuda coloca o universitário em posição de destaque. Toda oportunidade de se aprofundar no tema de seu curso, aumenta as chances de ser bem-sucedido na empreitada;

 

  • Comprometimento

Estar conectado com a comunidade em que está estudando é outro ponto importante. Envolver-se com questões locais, do meio ambiente ao cuidado com os animais, torna o aprendizado completo e certamente será notado por todos na instituição;

 

  • Individualidade

Mostrar quem você é, seus interesses, qualidades e pontos a desenvolver é fundamental para que as universidades entendam o que te faz diferente dos demais estudantes. Hoje, mostrar potencialidades e desafios faz parte do jogo e, acredite, só tem a valorizar e acrescentar ao currículo.

 

 

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios