Opinião

Conselhos de um empresário de sucesso

Diretor-presidente de uma das maiores empresas de ouro e câmbio do país, dá dicas para quem quer empreender

A crise financeira vivida pelos brasileiros nos últimos quatro anos fez aumentar os números dos chamados “empreendedores por necessidade”. Desde 2014 foram abertos pelo menos 11 milhões de negócios no país, segundo dados de órgãos ligados ao apoio às micro e pequenas empresas.

Os dados mais recentes mostram que em 2017 a taxa de pessoas que abriram um negócio por causa da necessidade foi de quase 40%. Para efeito de comparação, em 2012, antes da crise, essa taxa era de 30%.

E uma história que sintetiza a luta do empreendedor brasileiro é a de Juarez Filho, diretor presidente da Ourominas, uma das maiores empresas de ouro e câmbio do país. Tendo conhecido de perto a vida dura de uma típica família humilde brasileira, Juarez conseguiu, através do empreendedorismo, um lugar ao sol.

Natural de Ubá, em Minas Gerais, e sexto filho de uma família de onze filhos, Juarez trabalhou em muitas áreas diferentes. Ele diz saber as dificuldades de quem decide abrir um negócio no Brasil, mas lembra da importância da persistência.

“Depois de muitos anos, empreender no Brasil continua sendo uma tarefa bastante complicada. Temos muitos impostos e inconsistências nas leis. Mas o brasileiro tem a capacidade de improvisar na alma. Além disso, nosso povo tem muita fé, que foi um dos fatores que ajudou durante a minha jornada”, diz Juarez.

 

Lições de quem viveu em condições precárias

Juarez foi um pequeno minerador por um tempo e registra, inclusive, situações onde passou dias sem tomar banho e dormiu no chão. Ele conta estas histórias de dificuldade em um livro chamado de “Lei dos Meninos Homens”, lançado em 2018. A publicação autobiográfica narra acontecimentos tristes, alegres e de superação que ajudaram a traçar a trajetória de sucesso do empresário.

Na mineração as condições eram tão precárias que quase o fizeram desistir. “À época, vivemos sem luz, sem televisão, com muito mosquito e com doenças, como a malária, circulando a gente. Todos esses fatores favoreciam para a nossa desistência, porém a vontade de superação era maior”, lembra.

Antes de fundar a Ourominas, em 1981, o empresário também vendeu verduras na rua, foi empacotador nas Casas Pernambucanas, contínuo do Banco Itaú e até os 14 anos trabalhou com o pai no plantio de fumo e cana. Até mesmo como DJ (à época com o nome de discotecário) ele já atuou.

Hoje, junto com seus irmãos, está à frente da Ourominas, que é uma empresa de destaque no segmento de ouro ativo e câmbio de moedas. O empreendimento possui mais de 50 lojas que estão espalhadas por diversas regiões do país, entre estabelecimentos – próprios ou credenciados. A empresa possui, também, um time que conta com centenas de colaboradores, entre diretos e indiretos.

 

Dicas para novos empreendedores

O Sebrae estima que em 2019 deverão ser criadas 1,5 milhão de novas empresas (microempreendedores individuais e as micro e pequenas empresas). O número demonstra que o país deve continuar apostando nos negócios próprios.

Para os que irão se aventurar no comando de suas próprias empresas, Juarez comenta que é importante arregaçar as mangas e ir para a luta. O empresário destaca, ainda, algumas dicas para ajudar quem está começando:

– Conheça profundamente seu negócio – “É preciso conhecer o seu negócio e o setor em que você está atuando. E para isso o conhecimento prático é tão importante, ou até mais, do que o teórico”, reforça, Juarez.

– Inove – Ofereça produtos e serviços diferentes. “A concorrência é muito grande, pense em como pode se diferenciar e não ficar para trás”, indica o empresário.

– Forme uma boa equipe – a equipe é o segredo de um bom negócio. “A equipe precisa entender a linguagem e ir junta em busca dos objetivos”, diz.

– Aprenda com as derrotas – Ele afirma que não existe história de sucesso pronta, como a vida dele demonstra. Contudo, ele diz que sempre encarou cada tropeço e derrota como um aprendizado.

– Fique sempre próximo de quem você ama – Outro aspecto importante, que Juarez ressalta em seu livro, é estar perto de pessoas queridas, seja família ou amigos. “Nos momentos mais difíceis, eles lhe darão a mão e te lembrarão porque você está fazendo tudo aquilo”, argumenta o diretor-presidente da Ourominas.

– Seja otimista, apesar das dificuldades – “No meu livro eu cito uma frase que eu gosto muito: ‘Os medos nos paralisam; os sonhos libertam’. Além disso, uma coisa que eu levo comigo é o lembrete de se manter sorridente para as pessoas e para a vida. Todo mundo gosta de seguir gente otimista”, finaliza.

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios