Educação Corporativa

Coronavírus aquece o mercado de plataformas de EAD

Em função do COVID-19, portaria do Ministério da Educação permite EAD para cursos presenciais por 30 dias prorrogáveis por mais 30

O Ministério da Educação (MEC) publicou, em extraordinário, portaria que regulamenta a substituição de aulas presenciais por aulas à distância pelas instituições de ensino superior enquanto durar a pandemia de coronavírus. Segundo a portaria, o recurso pode ser utilizado por 30 dias e pode ser prorrogado dependendo das orientações do Ministério da Saúde e de órgãos sanitários locais.

“É uma situação delicada, exige muito de todos nós e modernizar os processos educacionais é fundamental neste momento. Não podemos deixar de ter a tecnologia como aliada no processo de aprendizagem, permitindo aos alunos manterem seus estudos mesmo com o distanciamento social, associado à uma pandemia”, avalia Cleber Calegari, diretor da Bedu.Tech, empresa especializada em serviços de Tecnologias Educacionais, Computação em Nuvem, Integração e Infraestrutura de TI.

O diretor da Bedu.Tech cita o GSuite for Education, plataforma do Google, que disponibiliza ferramentas de gestão de sala de aula integradas, podendo ser utilizado em qualquer tipo de dispositivo, como celulares, tablets, desktops, notebooks e chromebooks. Estas soluções funcionam e são gerenciadas em nuvem, possibilitando acesso de qualquer lugar, em qualquer momento,  com ganhos reais de produtividade no uso da plataforma, permitindo aos professores, por exemplo: preparar, revisar e distribuir conteúdo, transmitir aulas online, correção de atividades com envio de feedback para os alunos, sistema de chat e videoconferências, entre outros.

“Estamos vivendo um aquecimento no mercado das plataformas de EAD em função do Coronavírus.  A implementação deste tipo de tecnologia sempre foi aderente em várias áreas, mas em razão do momento de isolamento social para conter a propagação do vírus, a área de Educação foi uma das primeiras impactadas e a primeira a reagir em busca da viabilidade de implantação da tecnologia”, comenta Calegari.

Para o especialista da Bedu.Tech, frente ao cenário é importante ressaltar que os grandes players do mercado de tecnologia estão disponibilizando gratuitamente ferramentas poderosas para comunicação e educação à distância,  entre eles a Cisco, vem se destacando com a plataforma Webex, entregando solução digital completa, que integra reuniões, eventos, treinamento e suporte, 100% virtual. Essa plataforma está liberada para uso gratuito por 90 dias, atendendo o setor educacional, bem como corporativo em geral e empresas que aderiram ao home office.

“Para atender o aumento da demanda por este tipo de solução, nossa equipe pedagógica e suporte estão preparadas para implantar,  orientar as boas práticas e apoiar na experiência e adoção das plataformas tecnológicas, contando com NOC/Soc 24×7”, destaca.

 

 


Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar