Boas práticas

Criatividade na gestão reduz custos para as empresas

Aproveitar talentos e estimular o processo criativo são práticas fundamentais para atingir metas de redução de despesas 

Criatividade na gestão reduz custos para as empresas

Fomentar a inovação nos meios corporativos, por meio de soluções originais definidas em grupo, é uma prática cada vez mais utilizada entre os gestores. O brainstorming, ou “tempestade de ideias”, tornou-se uma técnica comum na rotina das empresas, já que a ferramenta se vale da oportunidade do debate entre colaboradores e da contribuição espontânea de conceitos e propostas para melhorar os resultados da companhia, seja em avanços de produtos ou da gestão de processos, seja na solução de problemas.

Adepta à prática de incentivo à colaboração corporativa, a Santa Helena, indústria localizada em Ribeirão Preto (SP), é exemplo que a ideia compartilhada gera benefícios. A empresa implantou o programa Santa Helena Produtiva em 2015 e, neste ano, deverá alcançar uma economia de R$ 20 milhões, somente com o aumento da produtividade. Por meio da iniciativa, gestores designados pelas diretorias, chamados de Champions lideram um processo conhecido como Ideation, no qual, a partir de reuniões envolvendo toda a equipe, levantam problemas, discutem soluções e definem quais são os projetos-chaves para o período, com foco em atingir os resultados financeiros de cada departamento.

O objetivo é a formação de Especialistas Lean Six Sigma, uma estratégia gerencial disciplinada e quantitativa, cujo propósito é aumentar a performance e a lucratividade da empresa. Capacitados para a identificação de oportunidades nos setores em que atuam, os colaboradores registram suas ideias e lideram a implementação das melhorias, como projetos que passam por uma série de etapas, até a validação e execução do projeto.

Ideias em ação!

Entre as propostas de projetos de redução de custos e aumento de produtividade, uma das principais frentes do programa Santa Helena Produtiva foi a redução de perdas de produtos na produção (varredura). Nesse sentido, vários colaboradores puderam liderar subprojetos em diferentes linhas de produção. Dessa forma, o aprendizado com a metodologia e a mudança de mindset foi abrangente, além de gerar ganhos de mais de R$ 2 milhões nos últimos 3 anos.

Outro foco de trabalho do Programa Santa Helena Produtiva foi a redução de custos logísticos. Devido ao frete ser custeado pela empresa e a malha logística cobrir todo o Brasil, foram criados projetos de aumento de ocupação de carretas, redução de perdas com sinistros e otimização de rotas logísticas. Somente esses projetos totalizaram uma redução de mais de R$ 3 milhões nos últimos 2 anos.

O programa Santa Helena Produtiva já conta com 240 funcionários capacitados para a colaboração de novas ideias, 306 projetos cadastrados e mais de 160 em andamento. Elaine Ribeiro, Gerente Corporativa de Recursos Humanos da empresa, destaca que o projeto se tornou referência no âmbito corporativo. “Hoje, recebemos visitas de outras companhias interessadas no modelo de programa, tamanho o sucesso”.

Envolver as equipes nesse processo criativo possibilitou à Santa Helena descobrir soluções, pensar além e garantir nova perspectiva, com o estabelecimento de alternativas internas e avaliação de riscos.  “Esse cenário se deve ao conhecimento e empenho dos colaboradores, que são parte fundamental da companhia. Cada pessoa envolvida com a indústria conhece a fundo o processo diário e tem a liberdade de propor melhorias. Atuamos como um só time”, afirma a Gerente Corporativa de Recursos Humanos.

Os resultados alcançados pela Santa Helena por meio da motivação e valorização dos colaboradores também abrangem as diversas premiações conquistadas no segmento de recursos humanos, como figurar nos rankings das 150 Melhores Empresas para Trabalhar, do Guia Você S/A, e do instituto Great Place to Work, das Melhores Empresas para Trabalhar na categoria de Ribeirão Preto, Araraquara e Região.

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios