Saúde

Cuidado: ansiedade pode causar problemas cardíacos

Taquicardia, palpitações e falta de ar são manifestações típicas de uma crise de ansiedade e podem ser extremamente prejudiciais à saúde cardíaca, alerta cardiologista

A ansiedade pode ser considerada o novo “Mal do Século”. De acordo com levantamento realizado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), o Brasil é o país mais ansioso e deprimido da América Latina. São cerca de 9,3% de brasileiros convivendo com este mal; a maioria, jovens.

Mesmo sendo uma reação natural do ser humano, a ansiedade é considerada uma disfunção psicológica que, além de ser prejudicial à qualidade de vida e desencadeadora de outros transtornos mentais, também pode estar associada ao desenvolvimento de doenças cardíacas.

O cardiologista do Hospital do Coração (HCor), Dr. Aezio de Magalhães, conta que o Transtorno de Ansiedade causa uma série de reações ao corpo humano, como aumento da aceleração dos batimentos cardíacos e o aumento da pressão arterial.

“Taquicardia, palpitações e falta de ar são manifestações típicas de uma crise de ansiedade e podem ser extremamente prejudiciais à saúde cardíaca”, explica. O médico ainda ressalta que o desenvolvimento de arritmia e de obstrução das artérias coronárias também podem ocorrer por consequência desta disfunção.

Dr. Aezio também alerta que tristeza, culpabilização, estresse e insônia – sintomas básicos apresentados por uma pessoa que sofre de transtorno de ansiedade – também fornecem ameaças à saúde do coração. “Além de estarem associados ao consumo de álcool e do tabagismo que, por si só, agravam as possibilidades de doenças cardiovasculares, há estudos que demonstram danos aos vasos e tubos sanguíneos”, destaca o cardiologista.

A mente é a principal porta de entrada para uma série de doenças, inclusive do coração. Cuide-se!

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo