Comportamento

LG lugar de gente adquire eguru

Especialista em games passa a integrar o grupo, que já conta com a LG e a w3; faturamento deve chegar a R$ 100 milhões com a aquisição

A LG lugar de gente, empresa brasileira especializada em soluções de tecnologia para Recursos Humanos (RH) do país, anuncia a participação na eguru, empresa desenvolvedora de games empresariais. Com esse movimento, a LG reforça sua estratégia de oferecer ao mercado uma solução completa de RH na nuvem. A aquisição visa, ainda, acrescentar ao portfólio uma solução inovadora e única ao mercado nacional ligada à “gamificação” de processos de recrutamento, treinamento e desenvolvimento, além de consolidar a posição da empresa neste segmento de forma significativa.

O presidente da LG, Paulo Iudicibus, destaca que, com isso, a empresa terá um diferencial em relação aos competidores internacionais, com uma oferta completa de plataforma, conteúdo e serviços em português, completamente adaptada ao mercado e à cultura brasileira, tendo ainda como diferencial games para vários subsistemas de RH.

Paulo Iudicibus

“Hoje somos a maior provedora nacional de sistemas ‘core’ RH (folha, ponto, benefícios etc); afinal nossas soluções processam a folha de mais 1,5 milhão de trabalhadores no país”, afirma. “Além disso, também somos a maior referência brasileira em sistemas de gestão de talentos, já que adquirimos a w3, líder de sistemas de gestão de capital humano em SaaS, há dois anos. A eguru, líder em games corporativos no Brasil, com mais de 300 títulos desenvolvidos para diversos segmentos, completa nosso portfólio”, complementa. 

Nesse primeiro momento, a LG adquiriu 65% da eguru e tem a intenção de adquirir o restante nos próximos cinco anos, conforme a performance da empresa. Com a aquisição, a LG deve atingir R$ 100 milhões de faturamento.

Lançamento

Da direita para esquerda, Felipe Azevedo e Hélio Biagi, da eguru, Eduardo Virgílio e Paulo Iudicibus, da LG lugar de gente, Thomaz Horta, Djalma Rezende e Thomas Khalil, da H.I.G.

A eguru lançará nos próximos meses uma plataforma com um “marketplace de conteúdos de treinamento” pelo qual as empresas terão acesso a um material rico, de forma rápida e a um custo bem menor do que se tivessem que comprar ou desenvolver esse conteúdo. 

Além da gamificação, que é uma solução consolidada na eguru, a visão é que a empresa crie uma loja on-line de conteúdo (vídeo, ebook, curso on-line e presencial, podcasts, games) de provedores de educação corporativa que desejam estar neste mercado, de forma que qualquer especialista que queira criar e vender seu conteúdo possa utilizar essa plataforma. “Temos o potencial de revolucionar a forma como as empresas ‘consomem’ treinamentos, investindo de forma inteligente nas pessoas conforme suas necessidades individuais”, conclui Iudicibus.


Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo