Carreira

LinkedIn revela os 10 empregos mais procurados no Brasil

Tecnologia ganha ainda mais espaço no cenário de trabalho remoto e a comunicação continua sendo a habilidade mais procurada por empregadores no mundo

Engenheiro de Software, Consultor de negócios e Arquiteto de Softwares são os três empregos mais procurados no Brasil, segundo nova análise do LinkedIn, a maior rede profissional do mundo, realizada entre junho e julho deste ano. Com o avanço do isolamento social por meses e a redução na velocidade com que os casos de Covid-19 são registrados, houve também uma mudança na busca por profissionais no mercado. A demanda por pessoas que desempenham funções consideradas essenciais, incluindo empregos na área da saúde e outras organizações que apoiam a sociedade durante essa pandemia, como gerente de estoque, operadores de caixa de supermercado, entregadores de aplicativo e orientadores acadêmicos para atuação à distância, deu espaço aos profissionais do universo digital.

Conforme as empresas continuam se adaptando a um mundo em pandemia, o LinkedIn identificou as vagas em aberto que as companhias precisam preencher com urgência e que registraram maior crescimento percentual. Muitas dessas funções exigem excelentes habilidades de comunicação – na verdade, a comunicação é atualmente o alvo mais procurado em todo o mundo, de acordo com os dados da plataforma. Habilidades pessoais são essenciais para ajudar profissionais a serem excelentes em suas funções e são altamente valorizadas pelas empresas atualmente.

Os dez empregos mais procurados no Brasil identificados no LinkedIn hoje, são:

  1. Engenheiro de Software

Cresceu 3.4 vezes em julho relação ao mês de junho

627 vagas abertas no LinkedIn

  1. Consultor de negócios

Cresceu 1.8 vezes em relação ao mês passado

360 vagas abertas no LinkedIn

  1. Arquiteto de Software

Cresceu 1,5 vezes em julho em relação ao mês de junho

326 vagas abertas no LinkedIn

  1. Engenheiro de Software Java 

Cresceu 1,3 vezes em julho em relação ao mês de junho

254 vagas abertas no LinkedIn

  1. Analista de Software

Cresceu 12,5 vezes em julho em relação ao mês de junho

250 vagas abertas no LinkedIn

  1. Desenvolvedor .NET (também conhecido como desenvolvedor dotNET)

Cresceu 1,8 vezes em julho em relação ao mês de junho

226 vagas abertas no LinkedIn

  1. Desenvolvedor Front End (área de interação de um sistema com o usuário)

Cresceu 1,7 vezes em julho em relação ao mês de junho

201 vagas abertas no LinkedIn

  1. Especialista em Software

Cresceu 5,4 vezes em julho em relação ao mês de junho

184 vagas abertas no LinkedIn

  1. Desenvolvedor Javascript

Cresceu 1,9 vezes em julho em relação ao mês de junho

175 vagas abertas no LinkedIn

  1. Engenheiro mobile (com foco em aplicativos ou sistemas para dispositivos móveis/ celulares)

Cresceu 2 vezes em julho em relação ao mês de junho

127 vagas abertas no LinkedIn

Além deste ranking, o diretor geral do LinkedIn, Milton Beck, destaca que há ainda outras profissões que devem permanecer em evidência de médio a longo prazo: profissionais de ensino à distância, atendimento médico à distância, áreas que utilizam cadeias de suprimentos para gestão mais rápida de entregas e toda área de softwares de tecnologia, profissionais que desenvolvem software de videoconferência, programas de banda larga etc. “O que vemos neste momento é uma busca por profissões que demandam várias habilidades, mas destaco três delas que permeiam esse cenário de distanciamento e trabalho remoto: comunicação adequada, criatividade para resolução de problemas e adaptabilidade às mudanças são habilidades fundamentais para se exercer qualquer uma das atividades mais procuradas neste momento”, explica.

O LinkedIn também analisou as 10 principais habilidades comportamentais e técnicas mais demandadas globalmente neste período, com base nos escopos apresentados nas ofertas de emprego:

  1. Comunicação
  2. Gestão de negócios
  3. Resolução de problemas
  4. Ciências de Dados
  5. Gestão de tecnologias de armazenamento de dados
  6. Suporte técnico
  7. Liderança
  8. Gerenciamento de Projetos
  9. Aprendizado online
  10. Aprendizagem e desenvolvimento de funcionários

Comparando com 2019, quando as 5 habilidades buscadas foram criatividade, persuasão, colaboração, adaptabilidade e gestão de pessoas, é possível perceber a continuidade de algumas delas. “Na prática, entendo que estas também continuarão a ser demandadas pelas empresas ao longo do ano, já que todas estão sendo essenciais para enfrentar esse momento”, comenta Beck.

A capacidade de comunicação ganha ainda mais destaque. Profissionais que trabalham atualmente em casa indicam que seus líderes podem ajudá-los a se sentir apoiados fornecendo comunicações mais regulares. Liderança e gestão de negócios são fundamentais – e já estavam em destaque em 2018.

Com a tendência de home office, os profissionais estão cada vez mais focados em procurar empregos que ofereçam trabalho remoto. A capacidade de gerenciar e liderar uma equipe remotamente requer um conjunto diferente de habilidades, assim, a demanda por soft skills (também conhecidas com as habilidades comportamentais) como comunicação, colaboração e criatividade, que já estavam aumentando, se tornarão ainda mais importantes, especialmente para os líderes.

Para Beck, esse é o momento de entender que a abertura de novos horizontes para o trabalho inclui até mesmo aprender novas habilidades, uma vez que esta pode ser uma oportunidade de entrar em uma indústria nunca imaginada antes.

 

DICAS PARA APLICAR AS NOVAS HABILIDADES

  1. Identifique suas habilidades passíveis de serem aplicadas em outras funções. 
  • Tudo bem se não tiver algumas das habilidades específicas que os cargos pedem.
  • Pense em como as habilidades que você já possui podem ser aplicadas.
  • Por exemplo, você pode não ter experiência em gerenciamento direto – mas pode ter orientado um novo colega no mesmo nível que você.
  • Pessoas que listam mais de cinco habilidades em seu perfil de LinkedIn têm 27x mais chances de serem descobertas em pesquisas por recrutadores.
  1. Aprimore suas habilidades com cursos de aprendizado online.
  • Com a acirrada competição por empregos, a requalificação é a chave para encontrar novas oportunidades.
  • Um curso de aprendizado online pode ajudar a preencher a lacuna durante a transferência de uma função para outra e ajudá-lo a se sentir mais confiante em sua aplicação.
  1. Tenha um perfil atualizado. 
  • Tenha uma foto de perfil que reflita seu tipo de trabalho e cuidadosamente tirada para o LinkedIn – Perfil com foto é 21x mais visualizado e recebe 9x mais pedidos de conexão
  • Mantenha o cargo atualizado – usuários com cargo atualizado têm 8x mais visualizações de perfil
  • Inclua a instituição de ensino – manter este campo atualizado pode impulsionar em até 17x as mensagens de recrutadores
  • Coloque a localização – este campo aumenta em 23x a probabilidade de um perfil ser encontrado no LinkedIn
  • Inclua as habilidades, tanto técnicas quanto comportamentais
  • Tenha um resumo com até 3 parágrafos com suas conquistas e habilidades, pois é a primeira coisa que os recrutadores olham em um perfil
  1. Conte com sua rede de conexões
  • Há muitas histórias comoventes registradas na plataforma nos últimos meses, de usuários que foram despedidos e, em seguida, encontraram novos cargos por meio de sua comunidade online.
  • Os dados do LinkedIn mostram que os candidatos têm quase 4x mais chances de conseguir um emprego em uma empresa onde tenham contatos.
  • Compartilhar regularmente suas opiniões e coisas que lhe interessam, como um vídeo ou artigo envolvente, é uma ótima maneira de ficar conectado com sua comunidade profissional.

Cursos gratuitos disponíveis no LinkedIn:

Tudo o que você precisa saber para ter sucesso nos Negócios
https://lnkd.in/edZrTSP

LinkedIn para Busca de Oportunidades: Impulsione sua Carreira
https://lnkd.in/efVFrGH

LinkedIn para Estudantes
https://lnkd.in/enJ7d_E

Como aproveitar ao Máximo o LinkedIn
https://lnkd.in/e6WXuPu

Como Criar um Perfil no LinkedIn para ter Sucesso Empresarial
https://lnkd.in/eSheAeR

Histórias de vida: mulheres na tecnologia
https://lnkd.in/eYEBRqm

Seja Administrador do LinkedIn Learning

https://www.linkedin.com/learning/seja-administrador-do-linkedin-learning-2

Como aproveitar ao máximo o LinkedIn Learning 

https://www.linkedin.com/learning/como-aproveitar-ao-maximo-o-linkedin-learning-2

Como fortalecer suas competências interculturais (disponível até 1 de setembro)
https://lnkd.in/eVKFF6q

Diversidade, Inclusão e Pertencimento para Líderes e Gerentes (disponível até 1 de setembro)
https://lnkd.in/egvKkeH


Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo