Opinião

Marketing jurídico: estratégia e visão para consolidação dos objetivos na advocacia

Em qualquer fase da carreira que você se encontre, jamais deixe de se profissionalizar e de se atualizar constantemente

Uma carreira de sucesso, em qualquer área profissional, não se constrói de um dia para o outro. O reconhecimento, a consolidação da marca jurídica, que nem sempre é fácil, a credibilidade e, o tão almejado sucesso profissional, são consequências de um conjunto de atitudes assertivas, ainda mais quando se trata da advocacia.

Se sua advocacia e carreira jurídica caminham bem, excelente. Você desvendou a “fórmula do sucesso” e deve continuar o que está fazendo. Concentre seus esforços no atendimento com excelência aos clientes que conquistou e mantenha o foco, sempre em busca de novos desafios pois, a “fórmula do sucesso” muda ao passar do tempo, e você deve sempre vislumbrar o crescimento e a melhoria do trabalho desenvolvido. Isso inspira algumas medidas muito importantes.

Contudo, se você está iniciando a sua vida profissional na área jurídica ou, se você já tem algum tempo no mercado e a sua carreira ainda não decolou, está na hora de você entender e desvendar a “fórmula do sucesso”. Para ter destaque dentro do mercado da advocacia, cada vez mais agressivo e competitivo, é imprescindível rever as estratégias adotadas, montar um novo planejamento e sanar os gargalos e empecilhos que estão impedindo a sua carreira de evoluir.

Para ter destaque na área de trabalho jurídica, existem inúmeras estratégias, ainda mais quando nos encontramos em plena Era da Comunicação. Na sociedade atual, para exercer e crescer em uma profissão, é de fundamental importância comunicar-se, fazendo uso das inúmeras ferramentas disponíveis no mercado.

Para ajudar você a entender a “fórmula do sucesso” e conhecer as melhores estratégias de atuação no mercado, separei algumas dicas de estratégia e marketing Jurídico e de como dar mais visibilidade ao seu trabalho. Inicialmente, deverá ser feito um planejamento estratégico da sua advocacia. É preciso ter uma visão de negócio: onde a advocacia pretende chegar? Como? Em quanto tempo consigo atingir meus objetivos? Quais colaboradores e sócios farão parte deste projeto de crescimento?

Também é importante que a advocacia atue conforme os seus valores, pois esse é um ponto crucial para consolidar uma marca forte e respeitada no mercado. Os valores norteiam as relações entre sócios, integrantes da equipe, colaboradores e clientes.

É imprescindível que sejam estabelecidos os objetivos da advocacia para entrarmos em ação. Estes são os pilares quando pensamos em estratégia.

Em relação ao marketing jurídico, primeiramente vamos desmistificar a crença de que o Código de Ética da Classe restringe a atuação na advocacia. Desmistifique e passe a estudá-lo. Você perceberá que as restrições referem-se apenas à não mercantilização do serviço jurídico. Isto não quer dizer que você não precise ou que não deva se profissionalizar, ou que não deva assumir a sua carreira jurídica como uma verdadeira empresa.

Em qualquer fase da carreira que você se encontre, jamais deixe de se profissionalizar e de se atualizar constantemente. Se a sua advocacia já for consolidada, examine quais pontos precisam de melhoria, seja na estratégia, na execução ou qualificação de sua equipe, até mesmo dos sócios. Caso você esteja iniciando a sua carreira agora, não deixe para amanhã ou para quando o “primeiro grande cliente” ou “primeiro grande processo” chegar. Quando eles chegarem, e vão chegar, você precisa estar preparado para atendê-los e atuar da melhor forma possível, demonstrando todo o seu conhecimento, passando dessa forma, credibilidade aos seus clientes.

Para a prática do marketing jurídico é fundamental planejamento e estratégia. Para que os seus resultados sejam concretos, as ações adotadas devem estar alinhadas aos objetivos da sua carreira e do escritório. Reúna as estratégias acessíveis e permitidas pelo Código de Ética da classe jurídica. São muitas! Tenha em mente que a estruturação sólida do seu escritório vai desde a organização interna, passando por investimentos em pessoas, retenção de talentos, primazia pelo ambiente de trabalho, métodos e organização em todas as áreas, até as estratégias externas, que te farão chegar ao cliente.

E aqui entra o Marketing para chegar ao cliente. Marketing é relacionamento! E um bom relacionamento é a maneira mais eficaz de conquistar e fidelizar clientes. Colocar em prática ações de marketing jurídico faz com que o seu nome se solidifique no mercado. Mas quais estratégias você irá adotar neste sentido? Isto faz parte do planejamento e da profissionalização que falei há pouco. Lembre-se que as estratégias devem caminhar sempre no sentido de chegar até ao cliente, mantê-lo fiel a você e à sua banca jurídica.

Outro ponto importante é observar o quanto os mercados de Comunicação e Marketing Jurídico são acessíveis e as inúmeras possibilidades que eles proporcionam para colocá-lo na mídia, junto aos seus clientes. Mas, antes de partir para a ação, é imprescindível traçar as metas que você quer atingir, definir o seu público alvo e também os canais em que você irá atuar e interagir.

Mais um detalhe importante é que você saiba se colocar diante dos seus canais de comunicação. O público precisa conhecer as suas ideias, suas atuações em processos, seus cases de sucesso, sem a exposição do cliente e, além disso, você pode escrever e publicar artigos, prospectando assim a sua expertise advocatícia. Vale salientar, é claro, que o público em geral não compreende o “juridiquês”, sendo assim necessário que você exponha seus conteúdos de uma forma clara, com uma linguagem acessível.

Ainda na linha da comunicação entre você e o seu público alvo, saliento que é, de fato, fundamental, você possuir perfis profissionais nas redes sociais pois, atualmente, é impossível trabalhar sem estes veículos, seja com a produção de conteúdo direto e objetivo, ligado às principais forças de atuação da sua banca jurídica, evidenciando assim qual a sua experiência jurídica.

As mídias sociais oferecem infinitos recursos de trabalho e são veículos em que você pode trabalhar ideias originais da sua atuação, empresa jurídica, marca e equipe. A liberdade de produção de conteúdo nestes meios lhe confere a possibilidade de mostrar o que você tem de diferente, de excepcional, sem evidenciar o cliente, claro, mas reforçando a sua marca. Ser “amigo” da Comunicação e entender a força dela na sua carreira é essencial. Você pode ainda oferecer palestras, e temas de expertise da sua advocacia e os que deseja impulsionar, de forma presencial ou por meio das mídias sociais, que oferecem estes recursos.

Outra dica é estar atento às oportunidades de networking e negócios. Onde estão os clientes que você deseja? Você precisa estar no meio jurídico para ser lembrado ou para apresentar o trabalho da sua advocacia. Veja aqui a importância de assinar, por exemplo, um artigo em um site especializado, esmiuçando um assunto inovador ou propondo novas ideias.

Lembre-se que a utilização das mídias sociais e outros veículos de comunicação estão a seu favor. O seu cliente não é só aquele que fechará o contrato, mas aquele parceiro que o levará até um novo cliente. Para isto, as pessoas e os colegas deverão saber o que você faz, em qual área atua, qual a matéria que advoga com excelência. E mais, como faz e o que diferencia o seu trabalho do trabalho do seu concorrente.

O mundo do Marketing Jurídico e da Comunicação é imenso e possui inúmeras ferramentas e possibilidades para colocá-lo em alta no mercado e fazer a sua carreira alavancar e se solidificar. Mas lembre-se sempre: a sua área de atuação tem um Código de Ética a seguir. Procure conhecer como você pode, ou não, atuar e aproveite para inovar, reforçar as estratégias que deseja e se comunicar!

Erika Siqueira – Especialista em Gestão de Escritórios de Advocacia no Brasil

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios