ArtigoBenefíciosGestão

Orientação psicológica, nutricional e outros benefícios passam a ter impacto na vida do colaborador

Os benefícios oferecidos pelas companhias precisaram ser revistos e ampliados para além do vale refeição e alimentação

De todas as ramificações das mudanças que abalam o mundo dos negócios hoje, as implicações para as pessoas são provavelmente as mais profundas. A pandemia global acelerou tudo drasticamente, incluindo uma mudança massiva e sem precedentes no local de trabalho. Com a diminuição do contato humano, as empresas agora devem se tornar inerentemente humanizadas, tendo um papel ativo no apoio à saúde física e emocional de seus colaboradores, além das habilidades de que precisam para trabalhar de novas maneiras.

Em uma era em que a linha entre escritório e casa continua a se confundir, em que a família do funcionário também experimenta a empresa, novas necessidades foram percebidas. É preciso, por exemplo, que esses colaboradores tenham um atendimento de um profissional que lhes orientem a como lidar e conciliar esses dois mundos. E isso não vale apenas para a frente psicológica. Muitos trabalhadores sentiram a necessidade de ter um respaldo sobre orientação financeira para poderem reorganizar seus orçamentos. Enquanto a necessidade de outros está na jurídica para análise de documentos e orientações até sobre um novo momento de união civil ou um novo contrato de aluguel.

Nesse cenário, os benefícios oferecidos pelas companhias precisaram ser revistos e ampliados para além do vale refeição e alimentação. O apoio psicológico é, sem dúvida, uma das que mais veem ganhando espaço dentro das corporações. Na Sodexo Benefícios e Incentivos, a procura pelo serviço de Apoio Pass, que oferece orientação psicológica, financeira, social e jurídica cresceu quase 600% até setembro de 2020.

Outra ação importante e que ainda está sendo iniciada dentro das corporações é o programa de Orientação Nutricional e Alimentar. Pensando na melhoria de qualidade de vida e bem-estar dos colaboradores, a Sodexo Benefícios e Incentivos oferece, desde agosto, consultas mensais com nutricionista da empresa, via plataforma digital, aos funcionários interessados.

A pausa para o almoço que antes levava os trabalhadores para a refeição no restaurante agora se voltou para dentro de casa, uma rotina que deve ser mantida por um longo período. Com o home office, o trabalhador nem sempre tem à disposição uma variedade de alimentos e nutrientes, antes oferecida por esses estabelecimentos. E como não ter isso no radar do RH? Essa é outra necessidade latente a ser atendida pelas empresas.

Os atendimentos com um nutricionista devem e são oferecidos de acordo com a necessidade e o perfil de cada colaborador, com o profissional levando esclarecimentos sobre quais são as melhores escolhas alimentares para um estilo de vida mais saudável e equilibrado, além de esclarecer as principais dúvidas sobre o tema. Ao melhorar os hábitos alimentares dos funcionários, consequentemente haverá reflexo em seu bem-estar, qualidade de vida e desenvolvimento profissional.

A pandemia provocou mudanças permanentes na relação entre empregador e empregado. Os funcionários esperam mais de seus empregadores, especialmente na forma como eles entendem e levam em consideração o contexto em que fazem seu trabalho: seu ambiente de trabalho, circunstâncias familiares e comunidades. É fundamental que a área de recursos humanos passe a ter ações e programas estruturados que atendam todas essas necessidades para que os funcionários se sintam seguros e confiem que a organização os manterá saudáveis.

Por Fabiana Galetol,  diretora de Recursos Humanos da Sodexo Benefícios e Incentivos

Botão Voltar ao topo