Dica de leitura

Passaporte para o futuro

Livro apresenta a compreensão de um mapa que habilita leitor para se preparar para o futuro

O livro “Passaporte para o Futuro”, de autoria do especialista em futuro do trabalho, pesquisador, economista e líder de Projetos de Inovação, Gabriel Pinto, é uma espécie de mapa, que permite apoiar as pessoas a se adaptar para a revolução digital e a mudança no mundo do trabalho acelerada pela crise da pandemia. O lançamento da obra será em 1º de maio (link de inscrição e confira a programação https://qualquerfuturo.com/lancamento-passaporte-para-o-futuro/).

O livro não se restringe a um caminho. Ele parte da premissa de que com mais informação precisa, fundamentada em dados econômicos, tem o objetivo de apoiar as pessoas a encontrar seu caminho e desenvolver as habilidades capacitadoras para o futuro. 

Segundo Gabriel, cada um é capaz de decidir e inventar seu próprio futuro: “O princípio básico de todo processo é entender que, com mais informação e autonomia, nós somos capazes de escolher o melhor futuro para nós mesmos”, explica. 

Em tempos atuais, como o ano de 2020, que nem na metade está, nunca foi tão relevante um livro que ajude as pessoas em como se preparar para “o que der e vier”, num cenário de tantas incertezas, em que é difícil dizer o que vem pela frente. Mas uma coisa é certa, que o mundo inteiro terá de se reinventar, o que já vem acontecendo. Novas formas de trabalhar, de lidar com suas habilidades, das relações humanas, em que novas profissões já surgem. Algo desafiador, mas que todos são obrigados a abraçar esse novo planeta de grandes transformações após a crise do coronavírus.

Em 32 capítulos, a obra questiona o leitor a pensar em seu futuro, ensina como instalar uma fábrica na sala de casa, fala sobre criatividade, inteligência emocional, quais os negócios do futuro, pensamento crítico, sobre Big Data, inteligência artificial, a nuvem cibernética, que permite a você trabalhar na praia, entre outros temas que fazem você refletir e agir sobre o que é o mais importante.

No decorrer do livro, o autor aborda as mudanças bruscas que os diferentes mercados, seja de trabalho, indústria e investimentos passam e vai fazer com que o leitor repense. Se você é a pessoa que busca mudar de emprego, mas ainda não teve coragem porque não sabe o que é preciso para conseguir mudar, se está desempregado e já cansou de procurar vagas, se está decidindo qual carreira trilhar ou até para quem ainda quer estar presente no mundo do trabalho, mesmo tendo feito grandes realizações, a leitura é imprescindível.  

No livro, Gabriel pontua as principais tecnologias direcionadoras da transformação e que a pandemia do coronavírus se faz decisiva para a manutenção ou não de muitas carreiras. Além disso, Santini Pinto aborda como você, profissional, pode lidar com tantas incertezas e desenvolver as principais habilidades capacitadoras para concorrer em diferentes possibilidades.

Cabe ao leito escolher: as novas tecnologias como grandes aliadas do mercado atual ou concorrentes desleais. Enquanto na Coreia, apenas 22% das profissões estão em risco, no Brasil o percentual chega a 60%. E é justamente o que nos torna únicos, a Criatividade, a Inteligência Emocional e o Pensamento Crítico, a chave-mestra para as portas do amanhã. Não adianta ficar apegado em estratégias comprovadamente ultrapassadas porque podem fazer com que você perca chances e o desenvolvimento, que não espera.

Por fim, Gabriel mostra para o leitor a importância de se preparar para mudança, pois pode ser que a empresa que você trabalhe não tenha fôlego ou competitividade para chegar do outro lado dessa crise ou até se sustentar depois dessa revolução digital. O autor traz de forma clara que se tem uma coisa importante que você, leitor, deve fazer é estar pronto para se adaptar. E a realidade que o mundo vive faz com que todos tenhamos uma redefinição de quem somos.

“Passaporte para o Futuro” é uma leitura que vai te surpreender pela fácil compreensão, essencial para os dias de hoje, em que a cada capítulo você aprende mais para colocar em prática no seu cotidiano. Não tem como, o mundo já mudou, ele muda o tempo todo e todos temos que estar prontos e preparados para essa constante mudança para nossa própria sobrevivência!

 

 

 


Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar