Treinamento

Principais diferenças entre o inglês americano e britânico

Conheça as diferenças e melhore o seu conhecimento

Embora certamente existam muitas outras características na língua inglesa, as diferenças entre o inglês americano e britânico são notáveis. Assim como acontece com o português, a língua inglesa também possui mais de uma variante – enquanto aqui temos a versão do Brasil, de Portugal, Angola e outros países. As duas variedades são ensinadas em cursos de inglês e programas de intercâmbio.

A diferença mais clara é o sotaque, mas não é a única – dependendo de seu professor e do conteúdo utilizado durante as aulas. Gramática, escrita e vocabulário também possuem características diferentes, dependendo do país.

O inglês britânico mantém a grafia das palavras que absorveu de outros idiomas, principalmente o francês e alemão, enquanto as grafias do inglês americano são baseadas em como a palavra soa quando é falada.

Nenhuma versão é mais “correta” que a outra, mas é claro que há preferências entre muitas pessoas. As três principais diferenças entre o inglês americano e o britânico são:

  • Pronúncia – diferenças em ambas as vogais e consoantes, bem como acento e entonação;
  • Vocabulário – diferenças em substantivos e verbos, especialmente o uso de phrasal verbs e os nomes de ferramentas ou itens específicos;
  • Ortografia – as diferenças são geralmente encontradas em certas formas de prefixo e sufixo.

Nem sempre é fácil ou possível compreender todas as divergências e aspectos entre as duas variações. Em vista disso, selecionamos as principais diferenças entre o inglês americano e britânico:

Quatro diferenças de ortografia

As palavras do inglês britânico terminadas em ‘our’ geralmente terminam em ‘or’ no inglês americano. Veja alguns exemplos:

Inglês britânico – colour, flavour, humour, labour, neighbour

Inglês americano – color, flavor, humor, labor, neighbor

Verbos em inglês britânico que podem ser escritos com ‘ize’ ou ‘ise’ no final das palavras sempre terminam com ‘ize’ no final das versões americanas, tal como:

Inglês britânico – apologize ou apologise, organize or organise, recognize or recognise

Inglês americano – apologize, organize, recognize

Palavras que terminam com ‘yse’ no inglês britânico são sempre escritas com ‘yze’ no inglês americano. Veja alguns exemplos:

Inglês britânico – analyse, breathalyse, paralyse

Inglês americano – alanyze, breathalyze, paralyze

Na ortografia britânica, a letra ‘L’ é repetida duas vezes em verbos que terminam com uma vogal antes do ‘L’. No inglês americano, o ‘L’ não é dobrado, tendo como exemplo:

Inglês britânico – travel, travelled, travelling, traveller

Inglês americano – travel, traveled, traveling, traveler

Uso do present perfect

No inglês britânico, o present perfect é usado para expressar uma ação que ocorreu em um passado recente e que tem um efeito no momento atual. Por exemplo:

I’ve lost my key. Can you help me look for it?

No inglês americano, a frase também pode ser escrita desta forma:

I lost my key. Can you help me look for it?

No inglês britânico, a frase acima seria considerada incorreta. No entanto, ambas as formas são aceitas no inglês americano padrão. Outras diferenças envolvendo o uso do present perfect no inglês britânico e do simple past no inglês americano incluem as palavras , apenas e ainda.

Inglês britânico:

  • I’ve just had lunch.
  • I’ve already seen that film.
  • Have you finished your homework yet?

Inglês americano:

  • I just had lunch I’ve just had lunch.
  • I’ve already seen that film I already saw that film.
  • Have you finished your homework yet? Did you finish your homework yet?

Formas de expressar posse

Existem duas maneiras de expressar possessão em inglês: utilizando have ou have got. Veja alguns exemplos:

  • Do you have a car? – Você tem um carro?

Have you got a car? – Você tem um carro?

  • He hasn’t got any friends. – Ele não tem

He doesn’t have any friends. – Ele não tem amigos.

  • She has a beautiful home. – Ela tem uma linda casa.

She’s got a beautiful home. – Ela tem uma linda casa.

Embora ambas estejam corretas – e aceitas tanto no inglês americano quanto no britânico –, o have got (have you got, he hasn’t got, etc.) é mais utilizado no inglês britânico, enquanto no americano é comum utilizar o have (do you have, he doesn’t have, etc.).

Ainda que existam algumas diferenças entre o inglês americano e britânico, a principal conclusão é que os dois também possuem muitas semelhanças e, por isso, o uso acidental de uma palavra no lugar da outra não tornará a sua sentença incorreta – não é um problema a falta de memorização do vocabulário em ambos os idiomas.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo