Carreira

Quanto custa procurar um novo emprego?

Para reduzir o custo, é preciso planejar a busca por uma oportunidade com objetivos claros e alinhados ao perfil do profissional

A procura por uma oportunidade de recolocação profissional custa para o profissional pelo menos R$ 300,00 por mês, podendo chegar a R$ 500,00 na região metropolitana de São Paulo, de acordo com levantamento exclusivo realizado pelo Grupo Elemento RH, consultoria de Recursos Humanos do interior de São Paulo. Este valor sai do bolso do profissional, que pode perder ainda mais se não planejar a sua recolocação profissional.

Para chegar aos R$ 300,00, a consultoria conduziu uma pesquisa qualitativa com profissionais em recolocação no interior de São Paulo e na Região Metropolitana, para entender como eles procuravam emprego, quais serviços acessavam, e quantas vezes.

A partir desta análise, descobriu-se que um profissional em recolocação, sem a devida orientação, sai de casa pelo menos três vezes por semana para buscas de emprego, sem considerar os convites para entrevista. Nesta busca é gasto pelo menos R$ 25,00 por dia, dos quais pelo menos R$ 7,00 com transporte, o que representa o custo de R$ 300,00 por mês. Na Região Metropolitana de São Paulo, como o transporte público custa R$ 3,80, esse custo mínimo sobe para R$ 500,00 por mês.

“Este valor faz muita falta no orçamento de quem está sem emprego. Mas o profissional pode estar desperdiçando o seu tempo utilizando as estratégias erradas”, afirma Luciana Ferreira, fundadora e CEO do Grupo Elemento RH. “Portanto, para que o profissional tenha sucesso, não pode “sair atirando para todos os lados”, sem muito planejamento e nenhuma estratégia”, complementa.

Veja abaixo as dicas de Luciana Ferreira para procurar uma recolocação sem desperdiçar o seu dinheiro:

  • Ter um currículo sempre atualizado e adequado ao seu perfil
  • Saiba comunicar claramente qual o seu objetivo profissional
  • Tenha um plano de busca, mapeando claramente quais vagas interessam, quais empresas poderiam aproveitar melhor suas competências e como abordá-las
  • Procure aprendizado diário por meio de cursos gratuitos. Há muito conteúdo de qualidade disponível na internet, e ferramentas como Veduca e Coursera podem ser úteis nessa hora
  • Realize um mapeamento das oportunidades visíveis e invisíveis
  • Ative seu networking. Sua rede de contatos precisa saber que você está no mercado, para que possa fazer indicações quentes.

Para ajudar o profissional, a consultoria desenvolveu o programa Jornada de Oportunidades, com o objetivo de criar uma conexão entre o profissional e o mercado. Neste programa o profissional recebe o apoio que precisa para desenvolver seu plano de busca e identificar as oportunidades mais alinhadas ao seu perfil. Em oito encontros, o profissional será estimulado por meio de perguntas e reflexões a avaliar os seus talentos, habilidades e competências, além de aprender estratégias e técnicas testadas no mercado para busca por um emprego, elaboração de currículos, apresentação de formulários e desenvolvimento de um networking para uma eficácia maior na busca por um trabalho.

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo