Carreira

Seis modalidades olímpicas para conseguir uma recolocação

Habilidades dos atletas que participarão dos Jogos Olímpicos Rio 2016  podem ajudar os executivos em busca de oportunidade de trabalho

Ser rápido e resistente como Usain Bolt, flexível como Arthur Zanetti e ter sabedoria para velejar em “ventos” desfavoráveis como Robert Scheidt são habilidade que todos os profissionais que buscam uma recolocação profissional devem ter conhecimento.
A Page Personnel, empresa global de recrutamento especializado de profissionais técnicos e de suporte à gestão, parte do PageGroup, listou seis habilidades de atletas que participarão dos Jogos Olímpicos Rio 2016 possuem e que podem ajudar os executivos em busca de oportunidade de trabalho.
“Os atletas terão de mostrar alto desempenho para ganhar medalhas e marcar seus nomes na história das Olímpiadas. No ambiente corporativo não é diferente. Os profissionais precisam mostrar que têm ‘algo a mais’ para conseguir uma oportunidade”, avalia Ricardo Haag, diretor da Page Personnel.

 Confira as seis modalidades abaixo:


1 – Atletismo

O mercado de trabalho não está fácil e, diante disso, o profissional que busca um emprego precisa ser rápido e resistente como o astro Usain Bolt para enfrentar provas de tiro curto. “Enfrentar os percalços do caminho e ter intensidade para encarar e solucionar as adversidades podem ser a chave do sucesso para quem busca uma recolocação”, ensina Haag.

 

2 – Ginástica
A palavra que define bem os atletas da ginástica olímpica, como Arthur Zanetti, é a flexibilidade, pois a perfeição dos movimentos vai indicar os medalhistas. “Flexibilidade no mercado de trabalho também é um fator valorizado pelas empresas. Os profissionais que aceitam funções e desafios que vão além de suas áreas de formação podem se dar bem”, conta o executivo.

 

3 – Tiro ao alvo
Um erro comum das pessoas que buscam uma vaga é se candidatar em qualquer oportunidade. Faça como o Marcus Vinicius D’Almeida (campeão mundial Juvenil em 2015), destaque brasileiro da modalidade de tiro ao alvo. “Tenha um objetivo (alvo), mire e seja preciso em suas ações. O profissional deve se inscrever em processos que estejam alinhados ao seu perfil profissional. Isso pode fazer a diferença a seu favor”, sugere o recrutador.

 

4 – Vela

O vento é sempre um alinhado dos atletas dessa modalidade, como o supercampeão Robert Scheidt. Por isso, o profissional precisa se preparar e investir em qualificação como em cursos de curta duração, pós-graduação e segundo idioma. “Quando os ventos do mercado de trabalho melhorarem, eles podem conseguir o impulso necessário para o tão desejado emprego”, diz.

5 – Boxe

A disciplina, o treino forte e a persistência sempre foram aliados dos boxeadores. No mercado de trabalho também não é diferente. Resiliência é uma competência extremamente valorizada no mercado, ainda mais, em tempos de recessão econômica. “O profissional precisa apreender com os erros para conseguir nocautear os adversários e vencer a luta pelo emprego”, mostra Haag.

6 – Levantamento de peso

O levantamento de peso é um esporte que requer muita força e dedicação, requisitos que fazem de Fernando Reis o destaque brasileiro dessa modalidade. “No mercado de trabalho, ocasionalmente é preciso absorver o impacto e ter força para alavancar e superar os desafios da busca por uma posição”, afirma Haag.

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios