Agenda
Tendência

Startup premiada pelo Google realiza segunda edição do maior evento de acessibilidade digital do Brasil

No Brasil, quase 10 milhões de pessoas possuem deficiência auditiva

Startup premiada pelo Google realiza segunda edição do maior evento de acessibilidade digital do BrasilDesde sua criação, a Hand Talk, startup brasileira reconhecida pela ONU com o melhor aplicativo social do mundo, vem conquistando diferentes prêmios e visibilidade por sua atuação. No início deste ano, a organização foi selecionada para receber o aporte compartilhado de 25 milhões de dólares do Google.org, por meio do programa Google AI Challenge. A Hand Talk foi a única brasileira entre as 20 organizações mundiais selecionadas e receberá R$ 3 milhões de reais do Google para investir em inteligência artificial.

Cerca de 80% dos surdos do mundo têm dificuldade para compreender as línguas escritas de seus países e dependem das línguas de sinais para se comunicar. No Brasil, quase 10 milhões de pessoas possuem deficiência auditiva (Censo 2012) e enfrentam a barreira de falta de acessibilidade em Libras (Língua Brasileira de Sinais) em diversos canais de comunicação. Foi nesse contexto que a Hand Talk atraiu a atenção de organizações com o Google – realizando a tradução automática de conteúdos em português para Libras com diferentes produtos, em busca de democratizar o acesso à informação e à comunicação.

Com o tema da inclusão em mente, a startup realizará em 8 de agosto a segunda edição do Link: Summit de Acessibilidade Digital, o maior evento sobre o assunto no Brasil. Com transmissão gratuita, ele contará com diferentes recursos de acessibilidade (audiodescrição, legendas e intérpretes de Libras) para que o público esperado de mais de 8.000 pessoas possa acompanhar tudo ao vivo. Grandes marcas estão confirmadas para apresentarem seus cases de sucesso – entre elas Catho, Bradesco a Azul Linhas Aéreas. Também marcarão presença influenciadores digitais e pessoas com deficiência que são referências em suas áreas de atuação, como o Youtuber surdo Léo Viturinno e o campeão paralímpico Clodoaldo Silva.

Outro destaque da programação serão as palestras técnicas, com dicas práticas de acessibilidade na web para diferentes públicos. Lucas Radaelli, deficiente visual e engenheiro de Software do Google, ressalta a importância de um evento como esse, deixando seu convite aos interessados: “um evento incrível como o Link é importante não apenas para falar sobre a necessidade da acessibilidade. Disso todos já sabemos. Ele é importante porque juntos, independente de qual lugar do mundo estamos, podemos mudar a realidade, e, certamente, é apenas juntos que aprendemos. Espero todos lá!”

O brasileiro, que trabalha com acessibilidade na gigante de buscas em São Francisco, participará do evento com a palestra “Definindo um processo para acessibilidade: implantando, desenvolvendo e testando”.

A abertura fica por conta de Ronaldo Tenório, CEO e fundador da Hand Talk. “O Link 2019 é uma evolução do evento do ano passado. Os cases de acessibilidade digital das empresas estão mais maduros e vamos ter palestras para todo tipo de público, sejam profissionais de comunicação e tecnologia, sejam militantes e entusiastas da causa.”

Para acessar a programação completa e se inscrever na transmissão ao vivo, acesse o site do evento: http://link.handtalk.me.


Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios