NegóciosStartup

Startup que propõe revolucionar o setor de benefícios recebe aporte de R$13 milhões

Capital será investido em escalar vendas e tecnologia e ampliar times

A Caju Benefícios, plataforma que permite concentrar todos os benefícios corporativos como Ticket-Alimentação, Ticket-Refeição e outros em um único cartão Visa crédito, fechou sua rodada seed com um aporte de R$13 milhões co-liderado pelos fundos de investimento Valor Capital Group e Canary. Também participaram da rodada os investidores pessoas físicas como Ariel Lambrecht (99). Com os recursos, a startup vai ampliar seu time, com o objetivo de escalar as áreas de vendas e tecnologia.

A startup quer democratizar o mercado de benefícios, possibilitando a colaboradores ajustá-los de acordo com suas necessidades e regras da empresa. Usuários recebem os valores de forma segmentada, como normalmente ocorre com os cartões de benefícios comuns. A diferença, é que podem transferir saldos entre seis categorias (Refeição, Alimentação, Mobilidade, Cultura, Educação e Saúde), em tempo real, através do aplicativo. De acordo com a CLT, sindicatos e outras regras previdenciárias e fiscais, dá a liberdade ao empregador de estipular limites mínimos de gastos e categorias utilizadas.

“Por ser bandeira Visa, o cartão da Caju é aceito em mais de 2,2 milhões de estabelecimentos em todo o país, permitindo que usuários utilizem nosso cartão tanto no mundo físico quanto virtual, portanto desde supermercados e restaurantes, até aplicativos de delivery nas categorias “Alimentação e Refeição” ou serviços de streaming como Netflix e Spotify, em “Cultura”, e transporte público e privado na categoria “Mobilidade””, explica Eduardo del Giglio, Fundador e CEO da Caju.


Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo