Treinamento

Treinamento: como a maratona de Miami se aplica no mundo corporativo

Por que desejamos boa prova para os corredores de rua treinados e boa sorte para os destreinados?

Pessoas que me conhecem sabem que eu não corro para adquirir uma performance incrível, mas sim para ser feliz. Talvez por essa razão tenha faltado planejamento e disciplina para correr uma prova com mais de 15km, como a Meia Maratona de Miami.

Sem treino, com um tênis que eu não havia testado em um trajeto tão longo, ansiedade por deixar meu filho, pela primeira vez, com uma babá em um hotel. Isso além de alguns contratempos como atraso da minha parte e também dos próprios organizadores da maratona. Todos esses fatores contribuíram para um stress pré-evento, mas não significa que devem interferir nas provas.

Em qualquer situação, seja para uma corrida, uma prova ou no ambiente de trabalho, é essencial se preparar para obter bons resultados. Quando ainda somos estudantes, estudar para as provas é o mínimo que os nossos pais esperam, certo? E depois, no mundo corporativo, quando vamos fazer uma nova atividade, precisamos ser preparados/treinados, não é mesmo? Quando temos uma reunião estratégica importante, ou precisamos fazer uma apresentação crucial para o sucesso do negócio, é fundamental planejar, ensaiar e executar com excelência.

Imagine que você tenha uma palestra importante para fazer e não chega antes para se preparar, testar os equipamentos, ver se está tudo em ordem… Há uma grande chance de algo dar errado, não é mesmo?

Por vezes, a sorte acaba do nosso lado, como a meia maratona que participei – ainda que eu tenha passado por alguns obstáculos, consegui concluir o trajeto em um tempo melhor do que a anterior. No entanto, contar com a sorte não é uma boa estratégia. O ideal é seguir um método para alcançar objetivos afinal, no mundo corporativo ou acadêmico, estar preparado é fundamental.

Procure se programar, treine, execute seu trabalho com excelência e crie sua a própria sorte. Seja A Melhor Pessoa que Você pode Ser.

 Por Bia Nóbrega, coach, mentora e palestrante e atua há mais de 20 anos na Área de Recursos Humanos.

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios